CAPAS NOVAS

Foi tanto empenho para postar as capas em forma de mosaico no Instagram que acabei esquecendo de dar sequencia nos posts aqui #foimal ^^’

Agora, não só o erro será reparado como vou postar tudo de uma vez e falar um pouco sobre a ideia por trás do desenho de cada uma delas \o/

Sem delongas, vamos lá!

Como eu já tinha comentado no post revelando a capa do primeiro livro, a ideia para as ilustrações era focar em pontos importantes para o Domínio de Almakia e não nos personagens. Então, escolhi momentos na trama onde esse contexto era mais importante:

No livro 1, a apresentação do mundo dos almakins através do ponto de vista da Garo-lin. É com ela que vamos aos poucos descobrindo que tem muito mais em que a Sociedade Almakin realmente é. Então, essa ideia de ela pequena diante dos Portões Negros é a representação do primeiro passo nesse mundo, da mesma forma que acontece com os leitores.

No livro 2 temos a primeira reviravolta em que o passado muito distante começa a se manifestar, e pela primeira vez todos começam a entender que não se trata de algo relacionado somente com as pessoas de agora, mas das profundezas da origem do almaki. Não vou falar muito sobre a cena em si, por ser muito spoiler. Mas, garanto que faz todo o sentido com o livro xD

No livro 3 temos o momento em que todos precisam tomar uma posição frente ao que está acontecendo, e não tem outro lugar em Almakia para se fazer isso do que dentro do próprio Instituto. Nesse contexto, Krission é importante, já que ele não apenas assume um lugar que presumidamente sempre seria seu, como o faz por realmente querer ocupar esse lugar. Mesmo estando presos no Instituto, é onde as mudanças mais importantes são feitas.

No livro 4 temos uma quebra do que vinha sendo mostrado até agora, porque toda história tem dois lados que precisam ser mostrados. A ilustração faz referência a primeira parte do livro, onde outros personagens assumem a narração e revelam a extensão dos pedaços que faltam para que Garo-lin possa completar essa história. Também não posso falar muito declaradamente sobre quem são as representadas na capa por causa do spoiler xD Mas, garanto que já no começo fica claro de quem se trata.

E, um ponto a se comentar e que tem relação com as capas antigas, é que geralmente cada uma delas representa quem está na abertura dos livros. Não foi bem intencional na hora da escrita, mas quando se chegou na composição das artes de capas fez todo o sentido. Então, as capas novas ainda mantêm isso, mesmo que de uma forma mais vaga, dando mais ênfase ao cenário mesmo.

É isso por hoje, pessoal! Espero que vocês tenham gostado das capas tanto como eu amei xD Foi uma conquista depois de tantos anos pensando em ter uma versão ilustradas delas #pqsoudessageraçãodeleitoresdelivrosdefantasia

E não deixem de conferir os lançamentos que estamos fazendo com a Lumus Editora!
Estou focando na produção dos nossos livros por lá, mas isso não quer dizer que não estou andando com as coisas para o relançamento de Almakia. Só tendo que dividir o meu tempo com as duas funções #quemderatertécnicadosclonesdassombras
#quemderaterumviratempodeverdade

E logo teremos mais uma novidade de capa e informações sobre o retorno a eventos presenciais, aguardem! \o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s