Palestras LAP

Grupo LAP

O grupo LAP surgiu a partir da amizade da dupla de escritoras Lhaisa Andria e Paula Vendramini ainda durante o período escolar, quando descobriram o gosto em comum por livros de fantasia. Através da construção de mundos fantásticos, usando referências de universos imaginários dos quais eram fãs, elas desenvolveram nas fanfics o que hoje consideram um Laboratório de Produção Escrita. Os anos de aprendizagem autodidata na área agora tem como resultado um contrato de publicação com uma editora, possibilitando o lançamento das séries Almakia e Devoy, que desde 2012 acumulam leitores fãs, resenhas positivas, participação em eventos e divulgação espontânea no meio digital através dos blogs literários.

Toda a bagagem e acúmulo de conhecimentos sobre a escrita fantástica desenvolvidos durante mais de dez anos pela dupla é material disponível em suas oficinas e palestras.

lap-2

A LAP surgiu despretensiosamente durante os nossos anos no Ensino Médio, quando nos divertíamos inventando, escrevendo, bagunçando e rindo muito. Foi nessa época que a base da LAPlândia foi construída, usando referências de universos imaginários dos quais éramos fãs com acréscimos gratuitos nossos.

Desde então, participamos de várias atividades culturais e literárias em nossas cidades, sempre procurando estimular as pessoas a compartilhar um pouco de imaginação, na nossa tentativa de contribuir para um mundo um pouco mais colorido.

Não temos como objetivo fazer com que nossos leitores, mochileiros em nosso mundo, formem uma opinião, mas sim um sorriso. É a nossa forma de retribuir, pela dádiva da troca, toda a formação que tivemos ao longo dessa década, e que nos ajudaram a sermos o que somos agora.

Hoje, depois de mais de uma década de caminhada, pedras, risadas, encontros e desencontros, temos orgulho do que construímos e confiança para continuar em frente com nossos sonhos.

Lhaisa Andria

Catarinense de certidão e paranaense com orgulho, Lhaisa Andria nasceu em Xanxerê e cresceu em Foz do Iguaçu. Desde cedo se encantando com mundos fantásticos, não demorou em descobrir as fanfics e aprimorar suas formas de escrever nesse universo de possibilidades. Junto com amigas durante a escola, criou o grupo de escritoras LAP, ativo há mais de 10 anos, onde produz textos e desenhos relacionados aos seus interesses. Licenciada em Letras, atualmente é redatora da Trafor BrandThinking e faz parte de ALEFI (Academia de Letras de Foz do Iguaçu).

Paula Vendramini

Nascida em Toledo, Paula Vendramini passou sua adolescência em Foz do Iguaçu e mudou-se para Curitiba em 2004. Desde sempre gostou de histórias fantásticas e essas muitas possibilidades a fez se interessar em fanfics. Juntou-se ao grupo de escritoras LAP e há mais de uma década onde produz textos relacionados aos seus interesses. Atualmente estuda Eventos e mora com marido e filha em Curitiba, trabalhando como funcionária municipal.

PALESTRAS

Tendências Jovens na Literatura e
Literatura Fantástica Moderna

O fenômeno jovem que a literatura vive hoje ainda não tem um nome ou escola definidos, mas é inegável que ele não só afetou como criou toda uma nova geração de escritores, com influências pops e fantásticas.

Até os anos 90, a preferência mundial cabia aos romances policiais e thillers, com intrincadas tramas de ações e suspense, em uma vasta lista de Best-sellers. Com o início do novo século, e o sucesso estrondoso de uma série, inicialmente voltada para o público infanto-juvenil, transformou de vez o cenário literário comercial. Com os recordes nunca antes conseguidos da série Harry Potter – que não só fez com que crianças do mundo todo descobrissem o prazer de se folhear centenas de páginas de um livro acompanhando uma aventura, como conquistou público de todas as idades, – vários outros livros fantásticos foram redescobertos e novas oportunidades para escritores desse estilo surgiram. Agora, depois uma década, aqueles que antes eram apenas leitores descobrindo um mundo de possibilidades da escrita, estão publicando seus próprios trabalhos, ganhando prêmios e reconhecimentos por todo o mundo. O cenário da literatura mundial não está mais apenas repleto de jovens e ávidos leitores, mas também de jovens escritores.

Os personagens que habitam esse novo mundo da literatura não são necessariamente novas criações, mas antigos personagens com roupagens diferentes. Os terríveis vampiros e lobisomens que antigamente inspiravam horror agora são os disputados mocinhos das histórias; os poderosos deuses do Olimpo agora criam intrigas em plena Nova York; os anjos não só estão caindo do céu como estão trazendo suas próprias guerras para o meio mundano. Assim, em uma diversidade fantástica nunca antes tão ampla e explorada no mundo, o que os próprios propagadores dessa tendência pensam sobre o assunto? Será que eles têm consciência de que as influências que estão criando e seguindo neste momento um dia serão tópicos discutidos em salas de aulas?

Com o objetivo de não somente trazer essa visão de literatura posterior, o tema Tendência Jovens na Literatura tem intuito de gerar discussão em cima do assunto de responsabilidade literária. De que as pessoas vejam de forma consciente como seus gostos no agora estão despertando uma nova escola literária, com um gênero que antes nunca fizera tanto sucesso, e que esse fato tanto ter consequências positivas quanto negativas.

Junto a esse assunto, é apresentado todo o panorama da Literatura Fantástica Moderna, o novo gênero literário que surgiu a partir desse fenômeno de leitura entre os jovens escritores.

Duração: 2hs30;
Material necessário: Multimídia e microfones.

Fanfics como
Laboratório de Produção Escrita

Fanfics podem ser consideradas um laboratório de textos, um meio ideal para quem deseja trilhar o caminho para se tornar um escritor, tendo vocação ou não. Elas não só oferecem meios de um sistema de correção, editoramento e publicação, como também possibilitam a aproximação com o leitor, principal critico e incentivador, bem como o aprimoramento através de uma gradativa conscientização do ‘eu escritor’.

O Laboratório de Escrita, fazendo uso do fenômeno fanfics como ferramenta, e o estabelecendo em uma sala de aula com o objetivo de despertar um ‘eu’ escritor’ no aluno, não só promove a atividade como traz ao conhecimento meios inovadores de se trilhar esse caminho de aprimoramento. Com a proposta de criar pessoas conscientes de seus textos e de como eles podem influenciar na sociedade, de ler com ‘olhos de leitores’, e promover a criatividade como um recurso essencial e uma terapia, o Laboratório estimula a buscar a evolução através de seu próprio esforço, usando para isso seus próprios gostos e preferências. Seja por divertimento, dom, necessidade ou como forma de ser útil a sociedade, o importante é que o participante seja capaz de assumir o papel de escritor tendo consciência do que seus leitores esperam. Evoluindo como um ser humano capaz de mostrar o seu mundo para outras pessoas e encantá-las:

Contar uma estória é fazer uma promessa: se você me der sua atenção, eu lhe darei a surpresa, seguida do prazer de descobrir a vida, suas dores e alegrias em níveis e direções que você nunca imaginou.
Robert McKee (2006)

Duração: 2hs30;
Material necessário: Multimídia e microfones.

Para solicitar palestras com as autoras, entre em contato através do formulário:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s